Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Poemas de Fernando Pessoa

Todos os melhores poemas de Fernando Pessoa e Heterónimos. Amor, amizade, paixão e vida em todos os poemas.

Poemas de Fernando Pessoa

Todos os melhores poemas de Fernando Pessoa e Heterónimos. Amor, amizade, paixão e vida em todos os poemas.

Talhei, artífice de um morto rito

Talhei, artífice de um morto rito,

Na esmeralda de haver um mundo feito

Um brasão circunscrito

No anel em que é perfeito.

 

 

Fiz dele o símbolo de um prazer morto?

De um sonho por haver?

Não sei: a nau do sonho não tem porto

E é inútil querer.

 

Se isto não tem sentido, as rãs coaxam

O sentido que tem.

Vou ver se acho nos charcos onde as acham

Se afinal sou alguém.

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.